27 de fev de 2008

Divórcio

quero dividir minha caneta
e com você compor uns versos
mas nesta linha de privilégios
você escandiu os nossos bens

6 comentários:

Rafael disse...

*thumbs up*

Mésmero disse...

Só Jesus consegue fazer comentários desse tipo. rs

Esse cara é um milagre!!

Hanne Mendes disse...

Dividir caneta?
Isso é quase dividir uma mente.

Agradou, rapaz, mesmo!

Beijo.

Jorge Elias disse...

Não se avexe caro poeta!
Do pensamento à palavra escrita é um pulo para a comunhão total de bens!
Felizmente, comungamos juntos o resultado dessa parceria.

Gostei.


Jorge Elias

Disguiser disse...

Muito bom, garotinho, muito bom!

beijos

Sarah disse...

Apesar de não entender muito de poesia, literatura, e afins, sou apreciadora. E por isso, posso dizer que gostei de muitas coisas aqui. Parabéns!

beijos.