12 de mar de 2008

Fotografia

























(...) Além disso, milagre, milagre mesmo, por mais que nos digam, não é boa coisa, se é preciso torcer a lógica e a razão das coisas para torná-las melhores.

José Saramago



O calcanhar - quase chegara a encostar o chão de barro seco - espera - inquieto e estático - a sola debruçar-se ao rés do solo para, assim, dar o seu derradeiro passo.

Uma corrente forte de ar ergueu a poeira vermelha fazendo-a girar no espaço vazio a deixar uma nódoa rubra - inerte - suspensa em nada.

O mesmo vento que soprou a terra fez balançar o baraço, por um átimo sufocante, mas logo o laço cessou seu movimento - inocente como uma criança de arma em punho que apesar de sua pureza ainda é fatal.

A Matéria permaneceu imóvel.
O condenado faleceu de outro modo.
(Ao pó não voltarás)
E o cadafalso permanece deserto.